A função do UX Writing

Você já parou para pensar na importância do texto em interfaces digitais em aplicativos e sites?


Vamos observar essa tela abaixo:

O título é claro: Cancelamento. Depois a tela pergunta: "Você tem certeza que deseja cancelar essa ordem?" e então ela te dá duas opções de ação a serem tomadas: Ok ou Cancelar.


Nesse exemplo, o usuário estaria num dilema realmente desconfortável para tomada de decisão. Para confirmar o cancelamento, eu devo clicar em “OK” ou em “Cancelar”?


Em uma tarefa mais crítica, como formatar a memória do seu computador, concluir uma compra ou realizar uma operação para lidar com o seu dinheiro no seu aplicativo de internet banking, isso poderia ser um problemão. No pior cenário, a pessoa pode desistir de usar um produto ou site. Falando em negócios, isso significa perda de clientes e prejuízo para a empresa.


Diante dessa realidade relativamente comum em sistemas, aplicativos e sites, o UX Writing nasceu para dar a devida atenção aos textos dessas interfaces digitais.


Atualmente muito em evidência entre profissionais de conteúdo e informação que desejam uma transição de carreira, o UX Writing é uma área relativamente nova e está inserindo em uma das etapas do processo de UX Design, ou design para a experiência do usuário, dedicado ao conteúdo.


A missão de vida do UX Writer é impedir que o usuário fique perdido ou em dúvida. Por isso, o foco desse profissional não é “escrever bonito”, mas oferecer os caminhos corretos dentro de uma interface utilizando objetividade e lógica por meio dos seus textos.


Sabemos que um bom design de UX cria uma experiência positiva para o usuário, antecipando e satisfazendo suas necessidades. Por essa razão, não podemos deixar de lado os textos que também são importantes para criar essa experiência positiva. Entendido? 🙂


Gostou do post?!


Deixe a gente saber disso, curte e diga o que achou aqui nos comentários!



21 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo